Banho passo-a-passo

bebes

O banho, além de ser uma prática necessária para manter a higiene, é muito prazeroso e melhora o vínculo do bebê com os pais.

A frequência do banho, no entanto, está ligada a cultura. O banho do bebê que ainda não engatinha deve ser dado 2-3X por semana no mínimo. No Brasil damos, em geral, banho diário, sobretudo nos dias quentes.

O banho deve ser de no máximo 5-10 minutos, evitando o uso de substâncias que removam a camada lipídica da pele e que alterem substancialmente o pH da superfície cutânea. Sabonetes devem ser líquidos e com pH ácido como o da pele. O pH ácido confere proteção contra a penetração de microorganismos. Veja post a respeito dos sabonetes aqui.

Preferir local seguro, como a banheira, com pouca água, que não deve ultrapassar a altura do quadril (5cm mais ou menos). A imersão em banheira, além de mais segura em relação ao chuveiro, é mais relaxante e minimiza a perda de calor. Mas não há diferença quanto ao grau de limpeza ou proteção da pele.

Existem espumas, almofadas e redes de banheira, como a que usei na foto abaixo, com a finalidade de tornar o momento mais seguro. Quando não estamos com ajuda de mais ninguém ela nos dá mais liberdade de ação…

Brinquedos, esponjas, redes e todo material usado na banheira são sujeitos a contaminação e devem ser limpos periodicamente.

Passo-a-passo

  • 1º. Separar o material: banheira, água morna (37 a 38º.C – no meu primeiro filho usei um termômetro com medo de errar a medida, mas você pode testar a temperatura no seu antebraço se quiser), sabonete (de preferência líquido, que é mais higiênico – a barra fica contaminada no ambiente úmido do banheiro), toalha macia (veja dicas no post Comentando o Enxoval: Para o Banho e Preventivos), as roupas, fralda, pomada de assadura e material para higiene do coto (cotonete ou gaze, álcool 70 %). O uso da água filtrada e/ou fervida é recomendado pelo menos até cair o coto umbilical. Depois de cair o coto, a água filtrada é mais segura em caso do bebê engolí-la acidentalmente, mas não é obrigatória. O uso de shampoo não é geralmente recomendado.
  • 2º. Iniciar o banho pela face, couro cabeludo, a seguir o restante do corpo, deixando por último a genitália e o bumbum. Enquanto lavamos a face, o corpo do bebê pode ficar envolto em um cueiro ou toalha para mantê-lo aquecido. Cuidado com os ouvidos: você pode tampá-los com os seu dedos quando for jogar a água.
  • 3º. Enxugar da face para o restante do corpo, tendo cuidado para deixar secas as dobrinhas!
  • 4º. Limpar o coto com cotonete/gaze e álcool 70 %, conforme descrito na troca de fraldas.
  • 5º. Passar a pomada de assadura (veja dicas no post Troca de fraldas) e vestir o bebê.

OBS: O banho deve ser evitado nas 24h após nascimento para não remover o vernix caseoso. O vernix é aquele material cremoso branco que reveste o corpo do recém-nascido logo que ele nasce, apresenta muitas funções, como prevenção da perda de água, regulação da temperatura e manutenção da imunidade.

VÍDEO TUTORIAL

Revista Crescer

Facilitadores

Seguem os itens descritos na lista de enxoval que facilitam a hora do banho:

Rede para banheira de bebê
Rede de Proteção – Comprar em: Mercado Livre

 

Espuma anti-derrapante
Espuma anti-derrapante – Comprar em: Mercado Livre

 

Almofada Baby Pil
Almofada Baby Pil – Comprar em: BabyPil

 

Deixe o seu comentário!