Gagueira e desvio fonológico

criancas

O que pensar quando seu filho, como o meu, começa de repente a gaguejar com frequência ? E a trocar fonemas ? Até que ponto isso pode ser considerado normal ?

Gagueira

A gagueira do desenvolvimento é caracterizada por repetições INVOLUNTÁRIAS de sílabas ou sons. A maior parte dos casos inicia entre 2 e 5 anos e pode ser apenas uma fase normal do desenvolvimento, devido a um pensamento mais rápido que a fala associado a alguma ansiedade em se expressar. Nesse caso dura algumas semanas e fica indo e vindo. Em geral desaparece em até 6 meses.

Pode estar relacionada ao aprendizado de uma segunda língua.

A disfluência normal das crianças pode incluir, além das repetições de sílabas ou palavras (ex : papa-pato), interjeições frequentes como “ha”, “e”, “hum”.

A intensidade pode aumentar e eventualmente causar “bloqueios”, coma ausência de voz por alguns segundos.

Como proceder :

  • Fale calmamente, com pausas, sem falar de vagar ou de forma estranha
  • Quando a criança perguntar algo, espere alguns instantes antes de responder, transmitindo calma
  • Olhe olho no olho
  • Mostre que você está prestando atenção, usando acenos de cabeça e gestos de aprovação
  • Converse com ela sobre a gagueira – uma frase que ajuda é : “Eu sei que às vezes é difícil falar, mas muitas pessoas se atrapalham com algumas palavras… não tem importância”.

O que não fazer :

  • Pedir pra criança se acalmar, pensar antes de falar ou parar de gaguejar
  • Chamar de gago – não permita que outros caçoem dela
  • Corrigir, brigar – não fique chateado ou nervoso, chamar atenção vai só constrangê-la
  • Completar as frases – não apresse nem termine as frases da criança
  • Transmitir ansiedade
  • Forçar a falar em público
  • Comparar com outras crianças
  • Exigir demais

Desvio Fonológico

Os primeiros fonemas a serem desenvolvidos são aqueles produzidos com os lábios, como /b/ /m/ /p/. Logo depois surgem /n/ /t/ /l/, e, em seguida, /d/ /c/ /f/ /s/ e /g/ /v/ /z/ /R/ /ch/ /j/. Só mais tarde observamos a produção adequada de alguns fonemas como /lh/ /nh/ /r/.

Variações encontradas de acordo com a fonte:

ptkbd, g ———- 1ano e 6 meses – 1 ano e 8 meses

mn, nh ———- 1 ano e 6 meses – 1 ano e 8 meses

vfszS, Z ———- 1 ano e 8 meses – 2 anos e 10 meses

lRlhr ———- 3 anos – 4 anos e 2 meses

Aos 3 anos podem acontecer trocas de fonemas sem que isso seja necessariamente um problema. É comum a criança “comer” o R (em vez de falar preto, dizer “peto”), e nem por isso é preciso procurar um especialista. Até os 5 anos a criança deve falar todos os sons corretamente – essa regra não vale para prematuros que, em geral, têm mais chances de sofrer atrasos no desenvolvimento.

Desvio fonológico é a dificuldade de falar consoantes em crianças acima de 4 anos. Requer tratamento especializado. Meu filho apresentou o desvio até os 5 anos – resolvemos esperar mais um pouco porque ele estava passando por um momento de maior ansiedade e melhorou espontaneamente.

As trocas mais freqüentes são: S por CH (como chapo ao invés de sapo); R por L (balata ao invés de barata); V por F (faso por vaso); Z por S (sebra por zebra); alterações na ordem das sílabas ou nos sons das palavras (mánica ao invés de máquina, tonardo ao invés de tornado); fala ininteligível.

Quando procurar terapia

Quando a criança gagueja mais de 10 % da fala, apresenta esforço e tensão ao falar, evita palavras (muda a palavra) e/ou usa vários sons para começar a falar. Quando há história familiar de gagueira. Quando a duração é prolongada.

Não encontrei um tempo determinado pra se esperar. Meu filho gaguejou mais de 6 meses. Coincidiu com o aprendizado de uma segunda língua e fui orientada na escola a esperar mais. Deu certo. Acho que levou em torno de um ano e antes dos 5 anos de idade já havia normalizado. Na dúvida, procure um fonoaudiólogo porque quanto mais cedo tratar, melhores são as chances de reverter o problema.

fonoaudiologia
Fonte : Conselho Federal de Fonoaudiologia

Deixe o seu comentário!